5 de outubro de 2019, 19h52

🎥 Eles travaram o campeão da Liga Revelação

Futebol

Na próxima jornada, a 11.ª, há dérbi (Benfica-Sporting).

RESUMO DO JOGO

O Benfica venceu, neste sábado, o CD Aves (2-0) em jogo da 25.ª jornada (invertida) da Liga Revelação, com a dupla Jair Tavares e Tiago Araújo a ser determinante para travar o campeão em título.

Jorge Maciel promoveu, em relação ao onze utilizado no jogo com o SC Braga, seis alterações: saíram Celton Biai, Rafael Rodrigues, Sérgio Andrade, Vukotic, Gerson Sousa e Gonçalo Ramos para as entradas de Kokubo, Fábio Baptista, Paulo Bernardo, Ronaldo Camará, Tiago Araújo e Luís Lopes. O técnico manteve nas opções Ebuehi – elemento do plantel principal do Benfica –, Miguel Nóbrega, Pedro Ganchas, Tomás Azevedo e Jair Tavares.

Ebuehi

Os primeiros minutos foram de muito equilíbrio com as duas equipas a tentarem assentar o seu formato de jogo. Aos 7’ esteve à vista o primeiro golo da tarde, com o Benfica a aproveitar um erro de Ricardo Mangas. Jair Tavares saiu a jogar e cruzou para Luís Lopes, que rematou para a defesa instintiva de Rui Neves.

Frente ao campeão em título da Liga Revelação, o Benfica foi criando perigo e, aos 28’, teve a merecida recompensa. Lance de contra-ataque depois de um desarme de Ronaldo Camará, saiu Jair Tavares em velocidade, olhou, e, de pé direito, fez uma assistência perfeita para o pé esquerdo de Tiago Araújo, que encostou para o 1-0.

GOLO: 1-0

A fechar os primeiros 45 minutos, mais uma oportunidade para a formação orientada por Jorge Maciel. Saída de bola rápida de Pedro Ganchas, com Tiago Araújo a tentar assistir Jair Tavares, mas chegou primeiro João Batista a impedir uma maior vantagem encarnada antes do intervalo (1-0)

RESUMO DA 1.ª PARTE

No reatar, depois de uma primeira ameaça de Jair Tavares, voltou a entrar (54') em ação a dupla do costume, desta vez com uma inversão de papéis em relação ao primeiro golo. Grande cruzamento de Tiago Araújo, com o camisola 7 do Benfica a atirar de pé direito para o 2-0.

GOLO: 2-0

O CD Aves respondeu e obrigou, pela primeira vez no encontro, a uma intervenção – segura – de Leo Kokubo, aos 62’.

Seguiram-se minutos sem oportunidades flagrantes dignas de registo. O campeão em título mostrou-se incapaz de travar o conjunto de Jorge Maciel, que segurou o resultado até ao último apito do árbitro João Santos. Resultado final: 2-0.

Onze do Benfica: Kokubo; Ebuehi (83', Rafael Rodrigues), Miguel Nóbrega, Pedro Ganchas, Fábio Baptista, Tomás Azevedo, Paulo Bernardo, Ronaldo Camará (69', Henrique Jocu), Tiago Araújo (69', Tiago Gouveia), Jair Tavares (83', Sérgio Andrade) e Luís Lopes.

Suplentes: Carlos Santos, Tomás Araújo, Rafael Rodrigues, Vilius Armalas, Sérgio Andrade, Tiago Gouveia e Henrique Jocu.

Na próxima jornada, a 11.ª, há dérbi. O Benfica recebe, no Benfica Futebol Campus, o Sporting num duelo marcado para o próximo dia 19 (sábado).

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar